Prefeitura dá ordem de serviço para desassoreamento do Lago do Taboão e obras na Praça 9 de Julh

Publicado em: 15/01/2018

Após o trabalho intenso da Administração Municipal na recuperação desses convênios com o DADETUR, a cidade será beneficiada com essas grandes obras que visam melhorias necessárias a região do Taboão.

Na tarde desta segunda-feira (15/01), a Administração Municipal realizou a assinatura do contrato com as empresas Submar Serviços Subaquaticos Ltda., vencedora da licitação para as obras de desassoreamento do Lago do Taboão, e FBF Construções e Serviços Eireli – EPP, que será responsável pela urbanização da Praça 9 de Julho, em solenidade no Gabinete do Executivo. Na ocasião, já foram assinadas as ordens de serviço para início imediato das obras.

A Administração Municipal destacou os esforços empregados para a recuperação desses convênios e recursos junto ao Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos – DADETUR, vinculado à Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, pois esses dois convênios se encontravam vencidos, um vencido em dezembro de 2015 e outro em novembro de 2016. 

Ambos processos licitatórios foram na modalidade tomada de preços, com o critério de menor preço global. O desassoreamento do Lago estava orçado em R$ 1.054.701,80 e as obras na Praça 9 de Julho em R$ 778.931,04, mas com o trabalho da Comissão de Licitações nos certames, a Prefeitura economizou cerca de 500 mil reais e não arcará com contrapartida nessas obras.

A Submar Serviços Subaquaticos realizará o desassoreamento do Lago do Taboão por R$ 712.580,75 e a FBF Construções e Serviços executará as obras na Praça por R$ 599.679,09.

Nos serviços no Lago do Taboão, a empresa deverá seguir o projeto executivo de engenharia apresentado pela Falcão Bauer, conforme parecer técnico do IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas, que abrange a descrição e justificativa técnica dos métodos que serão adotados, definição dos limites de intervenção, mapeamento dos locais onde haverá retirada de sedimentos e caracterização detalhada sobre o processo de remoção dos sedimentos. As obras para o desassoreamento também preveem a construção de uma lagoa de decantação no lago, de forma a captar materiais carreados na drenagem de águas superficiais e o carreamento natural de solos provenientes do fluxo natural de água.

A Administração avalia a região do Lago do Taboão como uma área estratégica para o município, de relevante interesse turístico, principalmente para a infraestrutura da região. A urbanização da Praça visa a mudança de layout para readequação da malha viária, pavimentação asfáltica e piso em blocos intertravados, adequação de guias, sarjetas e sinalização. O projeto prevê a alteração do sistema viário no local e revitalização da Praça para proporcionar maior área de lazer e mobilidade, com ruas seguras.

O projeto prevê o estreitamento da Praça no lado da Avenida dos Imigrantes para que a via seja duplicada, melhorando o fluxo de veículos. A calçada da praça será ampliada para a Rua Alpheu Grimello estendendo o espaço de circulação e vivência com canteiros e bancos em sua extensão. Permitirá a instalação de uma futura ciclovia e também trará um amplo espaço para eventos. O local onde está o trem da antiga estação ferroviária dará espaço a um bolsão de parada de ônibus o trem será removido do local e realocado num local a ser estudado pela Administração.

A solenidade contou com as presenças do Prefeito Jesus Chedid, Vice Amauri Sodré, do Deputado Estadual Edmir Chedid, dos representantes das empresas Submar Serviços Subaquaticos Ltda., Rogério Pedro da Silva, e da FBF Construções e Serviços Eireli – EPP, Fabiano Filardi, dos secretários municipais, vereadores e convidados.