Programa Horta Educativa é lançado em Bragança Paulista

Publicado em: 30/07/2018

As escolas municipais contempladas foram a Padre Donato Vaglio, no bairro Vila Bianchi, e a Abner Antônio Sperendio, na Planejada II.

Na manhã desta segunda-feira (30/07), a Prefeitura da Estância de Bragança Paulista, por meio do Fundo Social de Solidariedade e com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e do Setor de Convênios, realizou a solenidade de lançamento do Programa Horta Educativa nas escolas municipais Padre Donato Vaglio, no bairro Vila Bianchi, e Abner Antônio Sperendio, na Planejada II.

Esse foi um dos convênios recuperados pela Administração Municipal, em prol da população bragantina. O programa é uma parceria do Governo do Estado, por meio do Fundo Social de Solidariedade (FUSSESP) e da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (executor do projeto), com as Prefeituras, por meio dos Fundos Sociais Municipais (que exercerão a coordenação do projeto nos municípios) e secretarias municipais.

O projeto Horta Educativa tem como objetivo proporcionar às crianças a partir de 4 anos até o 4º ano do ensino fundamental o contato com a produção de alimentos vegetais desde a fase de preparação do solo até a colheita, como forma de incentivo à alimentação saudável e como instrumento para a educação ambiental.

A primeira escola contemplada foi a E.M. Padre Donato Vaglio, no bairro Vila Bianchi. Aproximadamente 300 alunos dessa escola participarão da iniciativa.

Os materiais repassados pelo FUSSESP que compõem o kit da Horta Educativa são: carrinho de mão, enxada, enxadão, ancinho/rastelo, pá, sacho, kit jardinagem três peças (pazinha, garfo e rastelo), regador (5 litros), mangueira, rolo de barbante, bandejas para mudas, bacias plásticas, envelopes de sementes diversificadas (10g), caderno do educador, caderno de atividades da criança, caderno da família e caderno do cuidador da horta.

Segundo o Fundo Social de Solidariedade, serão aproximadamente 12 pessoas envolvidas na parte técnica desse projeto, entre eles estarão agrônomos, nutricionistas, agricultores, professores e cuidadores da horta. A proposta da Administração é expandir esse programa para as demais unidades escolares do município.

Para dar início a proposta, amanhã (31/07), os agentes estarão nas escolas para analisar o local e dar início a estrutura da horta. O tamanho aproximado será de 1,30m x 2,5m. Nesse primeiro momento, as crianças participarão do processo de compostagem orgânica e preparo do solo para o plantio.

A segunda escola contemplada foi a E.M. Abner Antônio Sperendio, na Planejada II, onde aproximadamente 400 crianças participarão desse programa. Nessa Horta, as crianças terão seu primeiro contato com a terra e com a produção de alimentos, sendo um trabalho interdisciplinar que agregará valores pessoais, educacionais e, até mesmo, profissionais aos envolvidos.