Parte do imóvel da FESB é declarada utilidade pública para fins de desapropriação

Publicado em: 08/11/2018

Imóvel será utilizado para fins de desenvolvimento de atividades educacionais, científicas, tecnológicas e de inovação através do Projeto Incubadora de empresas

Em solenidade no Gabinete da Prefeitura de Bragança Paulista, nessa terça-feira (06/11), o prefeito Jesus Chedid, acompanhado do vice Amauri Sodré da Silva, assinou o decreto nº 2818 de 30 de outubro de 2018, que declara de utilidade pública, para fins de desapropriação, parte do imóvel registrado sob a matrícula nº 15.665, livro nº2, localizado à Av. Francisco Lucchesi Filho, nº770-Penha, pertencente a Fundação Municipal de Ensino Superior de Bragança Paulista – FESB.

Conforme decreto, a presente desapropriação objetiva destinar o referido imóvel para fins de desenvolvimento de atividades educacionais, científicas, tecnológicas e de inovação, voltadas a implementação do Centro Bragantino de Inovação (Incubadora).

Para o Prof. João Moro do IFSP o Projeto Incubadora de Empresas será um importante avanço na região bragantina, devendo atingir um raio de 50 km incluindo o sul de Minas Gerais. “Existe a tratativa com o Instituto Federal de Minas e esse Projeto que tem a iniciativa da atual administração, trará inúmeros benefícios alavancando o empreendedorismo na região, gerando mais empregos a comunidade.” comentou João Moro.

O prefeito Jesus Chedid ressaltou a importância do IFSP neste Projeto que passa a ser uma realidade no Município, “O Instituto Federal tem história na vida pública da cidade e hoje é uma grande parceira neste desafio que é a implantação deste Projeto Incubadora que já está se tornando realidade. Teremos a criação de novos empregos com a instalação de empresas modernas, dando um avanço significativo na industrialização e ensino da cidade. Estamos priorizando a criação de empregos na cidade e isso acontecerá com a implantação do Projeto Incubadora.” disse Jesus Chedid.

O Secretário Municipal de Governo Marcos Tasca explica que o decreto garante a continuidade das ações. “O Decreto Municipal, reconhecendo de utilidade pública o imóvel construído com recursos da União em terreno cedido pela FESB, para utilização por 20 anos pelo Instituto Federal e destinado por eles para implantação das atividades educacionais de expansão dos novos projetos do  Instituto voltados para o desenvolvimento de tecnologia e inovação, principalmente o projeto de Incubadoras de Empresas que tem um acordo de cooperação com a Prefeitura e trará grandes benefícios de desenvolvimento educacional, social e econômico para o Município. A iniciativa do Senhor Prefeito Dr. Jesus Chedid traz uma segurança para a continuidade da execução das ações de implantação efetiva do projeto”, conclui Tasca.

Acompanharam essa solenidade, o Diretor Administrativo do Instituto Federal de São Paulo Prof. João Moro, o Diretor Regional de Ensino Adílson Condesso, os delegados da Polícia Civil Dr Carlos Eduardo Martins (Seccional), Dr. Sandro Montanari, Dr. Vagner Modesto, os vereadores Beth Chedid, Paulo Mário, Mario B Silva, Ditinho Bueno e Natanael Ananias, a Coordenação de Extensão do IFSP Vitor Garcia, o sr. Marcelo Willian Caetano – Associação do Núcleo da Ferramentaria.