Governo do Estado cede anexo do EEMABA para atividades do Fundo Social de Solidariedade

Publicado em: 08/01/2019

Cessão de Uso foi dada pela Secretaria de Educação do Estado após solicitação do Deputado Edmir Chedid no pleito do município.

Nesta segunda-feira (07/01), a Administração Municipal recebeu do Governo do Estado a notícia da autorização da cessão de uso do espaço anexo à Escola Estadual Ministro Alcindo Bueno de Assis – EEMABA. No local, funcionará o administrativo e as atividades do Fundo Social de Solidariedade do Município – FSSM.

O Prefeito Jesus Chedid oficiou o Governo do Estado, Secretaria de Educação, solicitando a cessão em pleito que foi intercedido pelo Deputado Estadual Edmir Chedid junto ao então Secretário de Educação José Renato Nalini, por meio do ofício nº0748/2018, e depois ao Secretário João Cury Neto.

A ocupação do local pelo Fundo Social de tem por objetivo a instalação do escritório administrativo do Fundo, incremento de cursos profissionalizantes, de capacitação, oficinas, treinamentos, e instalação dos equipamentos necessários ao funcionamento. A parceria possibilitará melhorias significativas para a população de baixa renda, principal faixa atendida nas ações do órgão.

Francine Ap. Pereira, Presidente do FSSM, se manifestou grata pela dedicação do parlamentar em trabalhar para atender o pedido do município, ao Secretário Estadual e ao Diretor de Ensino Adilson Condesso. “O espaço com certeza atenderá milhares de pessoas. O projeto de reforma já está pronto, vamos nos reunir com o Prefeito Jesus e vice Amauri para tomarmos as providências necessárias para efetivação do Fundo Social no local.”

Em 27 de dezembro de 2018, o Secretário de Educação do Estado, João Cury Neto, formalizou a autorização da cessão do espaço ressaltando a objetiva finalidade pública do pedido e os benefícios à coletividade dando um fim social a um imóvel que se encontra desocupado.

Segundo o Diretor Regional de Ensino, Adilson Condesso, foi encaminhada cópia do processo para ciência da Prefeitura sobre a liberação do local. A Diretoria considerou viável a cessão do espaço, ressaltando que no prédio já funcionou a sede do SENAI que foi desativada há muitos anos e desde então o lugar se encontrava ocioso, com problemas de manutenção.

O bloco original foi construído pelo Fundo Estadual de Construções Escolares – FECE em 1972. Na década de 80, foi construído o bloco anexo pelo programa “Ginásios Orientados para o Trabalho – GOT”, em que se pretendia dar conhecimentos básicos aos alunos do EF ciclo II, de diversas atividades voltadas para o mercado de trabalho (marcenaria, serralheria, torneiro mecânico, costura, culinária, etc.). O bloco anexo tem 653,11m² e 2 pavimentos.