Governador afirma que rodovias Bragança/Socorro e Bragança/Itatiba serão duplicadas neste governo

Atualizado em: 08/03/2019

Melhorias na saúde, sistema rodoviário, educação e segurança serão viabilizados em conjunto entre Governo e Prefeitura

Na manhã desta quinta-feira (07/03), o Prefeito Jesus Chedid e o Vice Amauri Sodré receberam o Governador do Estado de São Paulo João Doria no Paço Municipal. Durante a visita, o Prefeito Jesus entregou ao Governador a Comenda de Mérito Municipal Ignacia da Silva Pimentel e Antonio Pires Pimentel, fundadores de Bragança Paulista, pelos relevantes serviços prestados. Na oportunidade, agradeceu a vinda do Governador e falou sobre a inauguração das creches-escolas, além de pleitear melhorias em diversas áreas da cidade.

Acompanharam a visita os Secretários Estaduais Marco Vinholi (Desenvolvimento Regional), Haroldo Correa da Rocha (Educação em exercício) e General Campos (Segurança Pública), o Deputado Estadual Edmir Chedid, que promoveu o encontro, Deputados Federais Herculano Passos e Vanderlei Macris além de  Prefeitos, vereadores, secretários e demais autoridades da região bragantina que também compareceram ao Paço Municipal, além de representantes das forças de segurança do exército, Polícia Civil e Polícia Militar.

O Governador João Dória agradeceu pela cordialidade e amabilidade como foi recebido pela Administração e ressaltou a importância de sua vinda para inauguração das unidades educacionais além da assinatura do convênio entre Governo do Estado e Prefeitura visando a Atividade Delegada. Mencionou também que pediu agilidade para viabilizar as duplicações das rodovias SP-063 Alkindar Monteiro Junqueira, que liga Bragança/ Itatiba e SP-008 Capitão Barduíno, que dá acesso ao Circuito das Águas. O Governador afirmou que pretende realizar a duplicação pleiteada durante anos pelo Prefeito Jesus e pelo Deputado Estadual Edmir Chedid neste governo, em regime de concessão por meio de parceria público-privada.

Na sequência, o Prefeito levou o Governador e as demais autoridades para ver o SamuVet e Castramóvel que será implantado em breve no município e seguiram para a inauguração das novas creches no bairro Vista Alegre e Pe. Aldo Bolini. Durante a solenidade de inauguração das unidades escolares, o Deputado Edmir Chedid formalizou ao Governador as necessidades de melhorias para a região, como ampliação do Batalhão de Ações Especiais de Polícia (BAEP) com sede em Bragança, a criação de uma FATEC-ETEC no município, além de investimentos para a implantação do AME Cirúrgico, Hospital Regional e Centro de Reabilitação “Lucy Montoro”, análise para a criação de um anel viário e a tão prometida duplicação das rodovias SP-08 e SP063.

O Governador Dória afirmou que estudará a instalação do BAEP em Bragança. Com relação às demandas na área da saúde, no começo da próxima semana será agendada reunião entre a Secretária Municipal de Saúde Marina de Oliveira e o Secretário Estadual de Desenvolvimento Regional Marco Vinholi para viabilizar as propostas apresentadas. Além disso, Doria falou sobre o programa Corujão da Saúde, que prevê uso tanto da rede pública quanto de hospitais privados para realizar exames de saúde para que seja também implantado em Bragança.

Com relação às demandas rodoviárias, Doria reiterou a viabilização das duplicações das rodovias SP-08 e SP-063, e com relação ao anel viário será feito estudo para inclusão no Orçamento 2020.

Na sequência, foi assinado o convênio da Atividade Delegada, que permite aos policiais militares desempenharem suas funções nos dias de folgas. Os PMs podem trabalhar por, no máximo, 12 dias por mês e a carga horária não pode passar de oito horas por dia. A Administração salienta que os PMs atuarão, exclusivamente, em Bragança Paulista.

E por fim, realizado o descerramento das placas das creches escolas, oficializando a inauguração do Programa Creche Escola das Escolas Municipais Bairro Vista Alegre e Padre Aldo Bolini. As unidades viraram realidade graças ao empenho e esforço da Administração Municipal em conjunto com o Deputado Edmir Chedid. Ambas estavam com obras paralisadas e prontamente foram providenciadas as documentações necessárias para a retomada das obras vinculadas aos convênios com o Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo e da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE).