Administração Municipal participa de reunião para a realização do 35º Grande Prêmio Brasil Caixa de Atletismo

Publicado em: 24/04/2019

Na ocasião, ficou definido que haverá transporte público levando a população até o local do evento, com saída a partir das 12h da Rua Tupi.

Na manhã da terça-feira (23/04), a Chefe da Divisão da Juventude do Município de Bragança Paulista Sandra Teixeira esteve na sede da Confederação Brasileira de Atletismo – CBAt conversando com o presidente Sr. Warlindo Carneiro sobre a parceria entre a Administração Municipal e a CBAt para a realização do 35º Grande Prêmio Brasil Caixa de Atletismo, que acontecerá no próximo domingo (28/04).

O principal assunto dessa reunião foi em relação ao transporte público que levará os torcedores e munícipes até o Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), no bairro do Campo Novo. As linhas de ônibus estarão a disposição da população a partir das 12h, saindo da Rua Tupi e retorno logo após o evento, a partir das 16h. 

Essa é a segunda vez que o GP internacional Brasil Caixa de Atletismo será realizado em Bragança Paulista e conta com o apoio da Prefeitura de Bragança Paulista, por meio da Secretaria Municipal da Juventude, Esporte e Lazer. Atletas de 19 países estarão presentes nessa importante competição do atletismo mundial, que acontecerá das 13h às 17h. Ao todo, serão realizadas 15 provas, sendo seis de campo e nove de pista. 

Em release divulgado, a Confederação Brasileira de Atletismo informa que: 

O 35º Grande Prêmio Brasil Caixa de Atletismo está confirmado para o dia 28 de abril no Estádio do Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), da CBAt, em Bragança Paulista (SP). Principal meeting da América Latina, a competição abrirá o IAAF World Challenge 2019, circuito disputado em nove etapas pela Europa, Ásia e Américas. 

O evento terá início às 13:30, com a cerimônia de abertura. A programação prevê a realização de 15 provas, sendo seis de campo e nove de pista, das quais nove no masculino e seis no feminino. Idealizado num formato para a TV – terá transmissão nacional e para o exterior –, a competição termina às 16:50, com os 200 m masculino. 

Realizado pela primeira vez em 1985, no Estádio Ícaro de Castro Mello, no Ibirapuera, o torneio trouxe à capital paulista astros mundiais, como o norte-americano Edwin Moses, recordista mundial dos 400 m com barreiras, e o brasileiro Joaquim Cruz, campeão olímpico dos 800 m, entre muitos outros. 

Na edição de 2018, disputada pela primeira vez em Bragança Paulista, São Paulo, o destaque foi o campeão olímpico do lançamento do martelo, Dilshod Nazarov, do Tadjiquistão, que confirmou o favoritismo e venceu a prova, com 75,18 m. Outra atleta que brilhou foi a brasileira Andressa Oliveira de Morais. Ela não apenas ganhou o lançamento do disco, como ainda bateu seu recorde sul-americano, com 65,10 m. 

O presidente da CBAt, Warlindo Carneiro da Silva Filho, espera mais uma vez uma grande competição. "O GP Brasil registra historicamente grandes resultados, muitas vezes com os participantes alcançando os primeiros lugares do Ranking Mundial", disse Warlindo. 

Os fãs do atletismo que quiserem acompanhar as competições no estádio não precisam de ingressos. A entrada é gratuita. O CNDA fica na Estrada Municipal Antônio Franco de Lima s/nº, Bairro do Campo Novo. 

PROGRAMA HORÁRIO

13:30 – Cerimônia de Abertura

14:00 – Lançamento do Martelo - Masculino

14:10 – Salto com Vara - Masculino

14:15 – 100 m c/barreiras - Feminino

14:30 – 110 m c/barreiras - Masculino

14:40 – Arremesso do Peso - Feminino

14:45 – 800 m - Masculino

15:00 – 400 m - Feminino

15:05 – Salto em Distância - Masculino

15:15 – 100 m Deficientes - Feminino *

14:30 – 100 m Deficientes - Masculino *

15:35 – Arremesso do Peso - Masculino

15:40 – Lançamento do Disco - Feminino

15:45 – 3.000 m - Feminino

16:05 – 400 m c/barreiras - Masculino

16:20 – 400 m c/barreiras - Feminino

16:35 – 1.500 m - Masculino

16:50 – 200 m - Masculino 

As provas de arremesso/lançamentos e saltos horizontais terão somente 4 (quatro) tentativas. 

*Os 100 m para deficientes são provas de exibição. 

O Grande Prêmio Brasil Caixa de Atletismo é organizado pela Confederação Brasileira de Atletismo, que é patrocinada pela Caixa.