Unidades de saúde ofertam serviço de combate ao tabagismo

Publicado em: 09/08/2019

Com a intenção de alertar sobre os perigos do tabaco e oferecer ajuda na cessação de fumo, a Prefeitura de Bragança Paulista, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, oferta através das unidades básicas de saúde, serviço de combate ao tabagismo.

As atividades acontecem sempre em grupos de 10 a 20 pessoas e por sessões, nas unidades Água Comprida, CDHU, Cidade Jardim, Henedina, Pedro Megale, Planejada II, São Lourenço, Santa Luzia, Vila Bianchi e Vila Davi, com tratamentos como adesivos, gomas de mascar (terapia de reposição de nicotina) e o medicamento bupropiona. Aos interessados em participar do serviço a orientação é que procure o enfermeiro responsável pela unidade.

Para seleção do grupo, os interessados são entrevistados e avaliados com o teste de ‘Fargeström’, que mede o grau de dependência à nicotina e o estágio de motivação que são: pré-contemplação, contemplação, pronto para a ação e ação. É importante ressaltar, que o estágio de pré-contemplação é uma etapa em que não há uma intenção de mudança pela falta de consciência dos prejuízos associados ao comportamento-problema, portanto, o paciente receberá o acompanhamento da equipe multiprofissional, mas ainda não está apta para compor o grupo.

O tabagismo é a principal causa de câncer de pulmão, sendo responsável por mais de dois terços das mortes por essa doença no mundo. No Brasil, o Instituto Nacional de Câncer – INCA estima que, até o final de 2019, sejam registrados 31.270 novos casos de câncer de traqueia, brônquio e pulmão em decorrência do tabagismo, sendo 18.740 em homens e 12.530 em mulheres.