Administração Municipal acompanha segunda audiência pública sobre o Plano Diretor na Câmara

Publicado em: 04/10/2019

Legislativo promove mais uma audiência para discutir Projeto de Lei que atualiza o instrumento básico do planejamento e desenvolvimento urbano.

Na noite desta quinta-feira (03/10), membros da Administração Municipal estiveram presentes na segunda Audiência Pública realizada pela Câmara de Bragança Paulista para debater o Projeto de Lei Complementar nº21/19, que revisa o Plano Diretor do município – um dos instrumentos de maior relevância para a cidade, que trata de diretrizes para o planejamento e desenvolvimento urbano.

Representando a Administração, os Secretários Municipais Marcelo Alexandre Soares da Silva (Planejamento e Mobilidade Urbana e Presidente da Comissão Especial para a revisão e atualização do Plano Diretor), Jota Malon (Especial e Gabinete), Tiago José Lopes (Assuntos Jurídicos) Alexandro de Souza Morais (Meio Ambiente), Vanessa Nogueira (Cultura e Turismo), Marina de Oliveira (Saúde), Rodrigo Dematte (Desenvolvimento Econômico) e Dorival Francisco Bertin (Segurança).

Na ocasião, população em geral, sociedade civil organizada, investidores, empreendedores e demais interessados puderam se manifestar e fazer suas contribuições ao Projeto de Lei em análise. Na ocasião, a audiência também foi acompanhada pela Promotora de Justiça Kelly Cristina Alvares Fedel, por membros dos Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente e Conselho Municipal da Cidade, associações, entidades de classe, entre outras.

Durante o andamento da audiência, o Secretário Marcelo Alexandre e o Professor Décio Luiz Pinheiro Pradella, que coordena o curso de arquitetura e urbanismo da Universidade São Francisco, foram sanando as dúvidas levantadas e os apontamentos sugeridos pelos munícipes inscritos.

O trabalho de revisão e atualização do Plano Diretor foi realizado pela Prefeitura de Bragança Paulista em parceria com a Universidade São Francisco por meio da Comissão Especial do Executivo, das Câmaras Temáticas e do Grupo Gestor com técnicos, profissionais, docentes, estagiários, membros do CONCIDADE, Ministério Público e demais envolvidos. Um trabalho intenso e de extrema importância para o desenvolvimento ordenado da cidade que envolveu grande levantamento de dados, visitas técnicas, elaboração de um minucioso diagnóstico, oficinas participativas, conferências e audiências públicas.