Bate-papo de cinema Pontos MIS homenageia José Mojica Marins, o Zé do Caixão

O Pontos MIS, equipamento cultural da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, em parceria com a Prefeitura de Bragança Paulista, realiza semanalmente a exibição digital de um filme seguido de bate-papo ao vivo no canal do YouTube do MIS.

Na edição deste sábado (20), em comemoração ao Dia do Cinema Nacional celebrado em 19 de junho, o Pontos MIS homenageia o trabalho do cineasta José Mojica Marins, um dos maiores diretores brasileiros, com a exibição de um de seus clássicos: À meia-noite levarei sua alma.

A sessão digital, realizada em parceria com a SP Cine Play, acontece gratuitamente às 16h. Para assistir ao filme é necessário preencher o formulário de inscrição (https://cutt.ly/ruvSDaA ) que estará disponível a partir de 18 de junho (quinta-feira), às 11h.

Em seguida, às 18h, Carlos Primati, pesquisador especializado no cinema fantástico, Ivan Finotti e André Barcinski, os jornalistas e biógrafos de Mojica, Paulo Biscaia, diretor, roteirista e editor de cinema, e Marcelo Miranda, jornalista, crítico de cinema, pesquisador e programador, participam do bate-papo sobre o filme no canal do MIS.

O filme À meia-noite levarei sua alma foi lançado em 1964 e atualmente faz parte da lista dos 100 melhores filmes brasileiros de todos os tempos feita pela Abraccine.

O longa conta a história do cruel agente funerário Zé do Caixão que vive a obsessão de encontrar a mulher superiora, capaz de gerar o filho perfeito e perpetuar o seu sangue. Para isso, não hesita em matar todos que ousam interferir em seu plano.

Classificação indicativa: 16 anos

Podcast Isso só acontece em novela

Disponibilizado semanalmente no Spotify do Museu da Imagem e do Som (MIS), o podcast Isso só acontece em novela analisa cronologicamente as telenovelas mais populares no país e seu impacto na sociedade e no cenário audiovisual do país.

No último episódio da temporada, Lucas Martins Néia e Raphael Scire falam sobre os outros formatos de ficção televisiva como séries e minisséries, destacando alguns títulos de sucesso: Malu mulher (1979), Anos rebeldes (1992) e Justiça (2016).

Para ouvir o último capítulo do podcast acesse o perfil da instituição no Spotify (https://cutt.ly/WuvFxrU).