Ministério do Turismo lança o selo Turismo Responsável

Dando continuidade aos serviços para a prevenção do novo Coronavírus (COVID-19), a Prefeitura Municipal de Bragança Paulista, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, trabalha arduamente para criar e identificar ações que prepararem o setor para um retorno gradual às atividades e minimizem o impacto da pandemia.

Na tarde de quinta-feira (04), o Ministério do Turismo lançou o selo Turismo Responsável, a identificação tem como objetivo auxiliar os turistas a identificarem e frequentarem os estabelecimentos turísticos que estão respeitando os requisitos estabelecidos para a prevenção da Covid-19.

A ação beneficia as empresas do setor, uma vez que, devidamente regulamentadas, elas poderão retomar, gradualmente, suas atividades, e posiciona o Brasil como um destino protegido e responsável.

Para solicitar o selo, que é totalmente gratuito, o prestador de serviço deve acessar o site da iniciativa, ler as orientações previstas no protocolo destinado ao segmento em que atua e estar com situação regular no Cadastur. Para ser redirecionado para a página da ação acesse: http://www.turismo.gov.br/seloresponsavel/.

As empresas que não estiverem inscritas no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), precisam efetuar o cadastro no site do programa (https://bit.ly/30aQ51f).

O selo deve ser colado em local visível e de fácil acesso ao cliente, pois conterá um QR Code pelo qual o turista poderá consultar as medidas adotadas por aquele empreendimento e/ou profissional.

Além disso, possibilitará a realização de denúncias em caso de descumprimento o que poderá resultar em revogação do selo.

Os protocolos foram construídos em parceria com organizações no setor, levando em consideração diretrizes internacionais, e contou com a validação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Estão disponíveis protocolos para: Meios de Hospedagem; Agências de Turismo; Transportadoras Turísticas; Organizadoras de Eventos; Parques Temáticos; Acampamentos Turísticos; Restaurantes, Cafeterias, Bares e similares; Parques Temáticos Aquáticos; Locadoras de veículos para turistas, Guias de Turismo, entre outros.