Prefeitura promoveu ato simbólico em homenagem aos combatentes bragantinos da Revolução Constitucionalista de 1932

Para celebrar a memória dos soldados bragantinos que participaram da Revolução Constitucionalista de 1932, a Prefeitura de Bragança Paulista, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, realizou ato simbólico nesta quinta-feira (09/07), na Praça 9 de Julho, onde está fixado o monumento histórico.

Em virtude da pandemia da COVID-19, a solenidade contou apenas com a presença do Vice-prefeito Municipal e da Secretária de Cultura e Turismo que prestaram homenagem póstuma aos bragantinos que lutaram bravamente na Revolução Constitucionalista de 1932 com a fixação de um arranjo de flores na escultura.

Para a Secretaria de Cultura e Turismo devemos continuar honrando a imagem dos soldados que participaram do movimento, em especial os bragantinos. Mesmo em meio a pandemia, foi realizada uma respeitosa homenagem aos soldados constitucionalistas, em especial aos combatentes bragantinos e seus familiares, com um ato simbólico no monumento da Praça Nove de Julho.

A data

A Revolução Constitucionalista de 1932, também conhecida como Revolução de 1932 ou Guerra Paulista, foi uma revolta que o Estado de São Paulo organizou contra o governo Getúlio Vargas (1930-1945). Embora o ato não tenha provocado resultado imediato, o movimento gerou avanços democráticos e sociais para o Brasil.