Equilíbrio entre o homem e a fauna - Meio Ambiente realiza soltura de animais silvestres

A união de esforços tem permitido que Bragança Paulista promova o resgate, reabilitação e devolução de animais silvestres à natureza, promovendo o equilíbrio entre o homem e a fauna. Recentemente, 12 animais foram soltos e voltaram a seus habitats naturais

No último dia 05/10, ação conjunta entre a Prefeitura de Bragança Paulista, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, e a Associação Mata Ciliar promoveu a soltura de 11 Saruês (gambás), no Parque Natural Municipal Petronilla Markowicz (Bosque das Araucárias), um local considerado adequado para a sobrevivência da espécie.

A equipe realizou três solturas separadas: de uma fêmea com sete filhotes; de dois filhotes resgatados juntos em outro ponto e, em terceiro ponto, outros dois filhotes.

A fêmea com os filhotes foi encontrada na área urbana de Bragança Paulista, resgatada e levada para reabilitação na Associação Mata Ciliar. Já os demais filhotes foram encontrados sozinhos, reabilitados e, ao terminarem o desmame, reinseridos na natureza.

Na terça-feira, dia 10/10, foi realizada a soltura de uma Seriema na região do Santa Helena, onde outras aves da espécie já vivem. A ave foi resgatada na área urbana de Bragança Paulista após ingerir um pedaço de corda, que ficou preso em sua cavidade oral. Encaminhada para a Mata Ciliar, a Seriema passou por procedimento para a retirada da corda e em seguida, recebeu os cuidados no processo de reabilitação, estando apta a voltar para a natureza.

A Prefeitura mantém, desde 2017, uma parceria com a Associação Mata Ciliar para o resgate, reabilitação e reintrodução dos animais silvestres ao habitat. Normalmente o resgate é realizado pela própria Secretaria do Meio Ambiente, por meio da Divisão de Bem-Estar Animal, com auxílio da Polícia Militar Ambiental e do Corpo de Bombeiros, quando necessário. Há ainda casos em que as pessoas resgatam ou encontram animais silvestres em suas residências e levam até a Secretaria.

A etapa seguinte é acionar a Mata Ciliar para o processo de reabilitação e, quando os animais estão prontos, são soltos na natureza. Entre julho de 2022 e junho de 2023, foram resgatados 573 animais silvestres.

Os que não têm condições de voltar para seus habitats são transferidos para outros locais como zoológicos ou institutos, onde continuarão recebendo os devidos cuidados. Alguns permanecem nos recintos da própria Associação Mata Ciliar.

Infelizmente ainda há muitos casos de maus tratos e criadouros clandestinos. Há situações em que os animais resgatados não conseguem sobreviver devido aos ferimentos que sofreram ou por estarem muito debilitados. O fato de Bragança Paulista manter o convênio com a Associação Mata Ciliar proporciona a esses animais a chance de sobrevivência por meio dos encaminhamentos dos mesmos para o atendimento especializado, reabilitação e posterior soltura.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente ressalta que manter ou possuir animais silvestres sem a devida permissão, licença ou autorização, configura crime ambiental, conforme a Lei Federal nº 9.605 de fevereiro de 1998, que dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente, e dá outras providências.

Para denunciar quaisquer atividades ilícitas relacionadas à fauna silvestre, basta entrar em contato com o Meio Ambiente, pelo e-mail [email protected], ou pelo telefone (11) 4034-6780.

Soltura saruê 01Soltura saruê 03Soltura seriema 01Soltura seriema 02