Maio Cultural: Última semana de evento enaltece diversas linguagens artísticas  

Durante todos os finais de semana do mês de maio, tivemos diversos encontros que proporcionaram muito conhecimento, cultura, diversão e lazer a todos nós. Agora o “Maio Cultural” está chegando ao fim, e para encerrar o evento com chave de ouro, a Prefeitura de Bragança Paulista, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, preparou uma programação especial para você se divertir em casa.

 A noite de sexta-feira (28/05) será marcada por muito rock com a banda cover Classical Queen. A partir das 20h, o tributo ao Queen reúne os melhores clássicos da banda num show eletrizante.

Abordando questões sobre à importância da fé em tempos de pandemia, sem tratar das dogmáticas específicas de cada expressão religiosa, dia 29/05, às 10h, acontece a roda de conversa “As expressões culturais religiosas durante a pandemia”. O encontro será mediado pela conselheira de políticas culturais, Fabrícia Zappa, e contará com a presença de religiosos.

Unindo a dança, a música e a poesia em uma só linguagem, o projeto “Encontro Experimental baseado na Tríade: corpo, som e palavra” reúne, às 15h, DJ’s, músicos, dançarinos e poetas numa roda de jogos criativos, fazendo a fusão das três linguagens artísticas a partir da improvisação com base na criação musical e na ideia central da poesia escolhida.

Relatando a investigação sobre o suposto sumiço de uma artista da noite LGBTQIA+ da boate da Rua XII, o espetáculo teatral “Uma história para Elise” encerra, às 20h, as atrações do sábado. A peça retrata parte do cotidiano vivenciado por artistas trans e drag queens de uma boate cujo mistério em relação ao desaparecimento da principal personagem revela a hostilidade e violência praticadas por um oficial de justiça. Antero da Redenção busca por respostas, mas ignora o respeito à Albertina, Bernardina e Campesina. O oficial de justiça acredita que as artistas possam esclarecer o mistério em torno do desaparecimento de Elise, que sumiu sem deixar vestígios.

Abrindo o último dia do “Maio Cultural 2021” com arte e conhecimento, o artista plástico e professor Sérgio Prata aborda, de forma didática, clara e objetiva, as técnicas mais nobres de pintura da história da arte, começando pelas técnicas à base d´água, passando pelas técnicas de cera, óleo, cerâmica, vitral, entre outras. Com linguagem acessível, a apresentação compartilha conhecimentos profissionais, explicando como o estudante de arte e os artistas podem, a partir de materiais simples, confeccionar suas próprias tintas, e criar obras que podem resistir ao tempo.

Em um ambiente rural, ao pé de um fogão a lenha regado de muitas histórias, comida e cantoria, a atração “Fogão, Prosa e Viola” exibe as histórias de artistas locais com a música raiz, além de apresentar belíssimas músicas e a receita de um delicioso feijão à bragantina. O programa conta com a presença da mediadora Irmei Liz, dos músicos Tati e Milão Prado, Rafael Schmidt, Murilo Reis e Pantanal e o culinarista Luis Antonio Martins.

Encerrando o “Maio Cultural 2021” com um espetáculo multimídia eclético, o show musical “O Baile de Máscaras” exibe, às 20h, releituras dos grandes sucessos da banda de rock Legião Urbana ao repertório autoral do cantor com citações de J.S. Bach e Florbela Espanca.